top of page
  • Foto do escritorAERJ ASSOCIAÇÃO

MCom discute estratégias para o futuro da radiodifusão brasileira emissoras católicas


O Ministério da Comunicação (MCom) discutiu estratégias para a radiodifusão nacional, em reunião com representantes das rádios católicas brasileiras, nesta terça-feira (14). O encontro contou com a presença do secretário de Comunicação Social Eletrônica (Secoe), Wilson Diniz Wellisch, que participou da audiência on-line e reforçou a prioridade da Pasta em desburocratizar e agilizar a análise dos processos de outorga.


Wellisch disse que o MCom está trabalhando com soluções automatizadas junto a plataforma Gov.br para que cada processo seja analisado com maior rapidez. Oito novas soluções já foram implantadas. “O resultado disso é a quantidade de processos analisados de janeiro até hoje que já somam 1.800. A ideia é avançar ainda mais nessa eficiência”, revelou o secretário.


As novas outorgas para execução de serviços de radiodifusão são precedidas do Plano Nacional de Outorgas (PNO). O processo ocorre por meio de licitação, na modalidade concorrência, que se inicia com a publicação do Edital de Licitação Pública no Diário Oficial da União.


O MCom conta hoje com 14.200 processos de outorga e 16.900 processos em pós-outorga. Além disso, são outros 7.700 processos de fiscalização. Durante a reunião com a Rede Católica, o secretário de Comunicação Social Eletrônica destacou as ações da Pasta a curto, médio e longo prazo.


A consolidação de conteúdo de mais de 100 Portarias em vigor também está em andamento. O objetivo é uma única Portaria consolidando os normativos, deixando as regras mais claras e transparentes.


Com informações do MCom / Site Tudo Rádio

5 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


Whatsapp AERJ
bottom of page